"Vida e opinião de uma mulher de fases"

01 abril 2014

Autoestima e preconceito depois do Big Chop

Oi femininas, tudo bom? (Vídeo no final)
Há algumas semanas, eu decidi fazer o BC (Big Chop - grande corte), e cortei toda a química do meu cabelo. E hoje eu vou falar sobre tudo o que passou pela minha cabeça antes, durante e depois. Espero que essa minha experiência seja de ajuda!  

(Quero deixar bem claro que não estou dizendo que com todo mundo é igual, só expus minha experiência)

Fui lavar o cabelo e aquelas pontinha esticadas estavam me incomodando muito, sei lá cansei de ficar fazendo texturização, cansei da transição, de não saber qual é o meu tipo de cabelo...de muita coisa e tomei a decisão bem na hora que estava fazendo os coquinhos no meu cabelo, então eu enxaguei de novo e cortei.

transição capilar

Vocês não tem ideia do alívio que eu estava sentindo em cada tesourada, cada pedaço que caía era como se eu estivesse arrancando todos e cada um daqueles anos de sofrimento, de baixa autoestima, de repressão, de tentar ser quem eu não sou. Depois de cortar fiz, com muita dificuldade, os (mini) coques e coloquei uma camiseta de algodão na cabeça e fui dormir.

No dia seguinte, levantei e desfiz os coques e para minha surpresa, nenhum cachinho apareceu. Fiquei desesperada, liguei para o meu marido, que nem sabia que eu tinha cortado, e contei à ele que meu cabelo estava horrível, comecei a chorar e rir ao mesmo tempo. Eu ria porque estava muito engraçado e chorava porque estava me achando feia! Depois fui no grupo das cacheadas e pedi ajuda, pois o cabelo estava mais duro que um pau, alem disso ele espetava, tipo capim, se passasse uma vaca perto de mim naquele momento haha... 

As meninas do grupo começaram a me dar dicas, me falaram que isso era normal, que depois melhorava etc. Então eu esperei passar um dia para poder seguir algumas das dicas e agora já me encontro melhor psicologicamente rsrs, pois o cabelo realmente melhorou e que ele simplesmente sofreu um "choque" pois era o primeiro dia pós BC, então eu entendi que com o tempo ele vai voltar à suas origens.

Veja a hidratação que fiz: Hidratação de maizena

transição capilar

Com toda essa história eu me dei conta de todo o preconceito que ainda havia em mim. Pois ao pensar que o meu cabelo seria do tipo 4, fiquei super triste, desesperada, arrependida, com medo...pois sempre pensei que ele era do tipo 3. Me deparei com aquela velha história do "É bonito nos outros", e depois da ajuda das meninas, do apoio do meu marido, eu me dei conta do quanto ainda me afeta a opinião da sociedade, pois tive medo até de sair na rua e que as pessoas me achassem feia, ou de escutar comentários desagradáveis, como muitas meninas já disseram haver escutado também. 

Porem, ao sair na rua, me dei conta da diferença entre brasileiros e os espanhóis, pois aqui as pessoas não se importam tanto com esse padrão imposto pela sociedade, como é no Brasil, pois não ouvi nenhum comentário maldoso e nenhum olhar indelicado, o que eu tenho certeza que aconteceria no Brasil, até mesmo por pessoas próximas. Por isso eu admiro muito todas as meninas que estão passando pela transição no nosso país, vocês são guerreiras meninas!

Veja a umectação que fiz: Como fazer óleo de cenoura

Quando me olhei no espelho eu vi aquela menina assustada, de 9-10 anos, que sofria bullying na escola, aquela menina que se achava feia, que chorava todos os dias escondida, que perguntava à Deus porque as pessoas eram tão cruéis e porque ele tinha me feito daquele jeito. Todos os anos de dor, passaram pela minha cabeça, cada palavra maldosa que já me disseram, cada brincadeira cruel feita pelos meus "amiguinhos" da escola. Depois que passou o choque momentâneo eu me dei conta de tudo, foi como arrancar desde a raiz todo o sofrimento e esse foi o significado do BC para mim, uma libertação!



Gostaram?
Besitos!

6 comentários:

  1. Olá Ludímara. Gostei muito do seu vídeo e postagem, você parece muito simpática. Realmente muitas meninas sofrem com o auto preconceito, inclusive me identifiquei com tudo que você falou. Ah...eu também sofri Bullying no colégio por causa do cabelo e era horrível, com o passar do tempo fui me aceitando como sou. Você ficou linda, essa faixinha é super chic. Realmente aqui no Brasil parece que as pessoas tem a mente mais fechada, coisa chataaa...ainda bem que você está na Espanha.
    Bloody Kisses
    Monólogo de Julieta
    P.s.: Desculpe a demora em responder. Fiquei sem internet. :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Paloma, pelo simpática e pelo linda hahaha
      Que bom que você gostou do vídeo!
      No Brasil as pessoas se metem muito no físico dos outros, o povo quer ser tudo igual a artista da tv e esquecem de ser eles mesmos e ainda exija que a gente faça o mesmo.
      Beijos!

      Excluir
  2. Pois e minha querida,tmbm levei um susto quando cortei nem saia de casa.
    Ai fui no blog e pedi ajuda.Jamile me disse q o cabelo ainda não tinha se acostumado com o #Corte.
    Ai fiquei mas tranquila.
    Agora eu to me acostumando com o formato.
    Mas ficou lindo seu cabelo,com a faixa 👍👍👍👍
    O meu ficou bem menor q isso!!! Alem de ter caido na frente RSS
    Vc esta ótima,#Adoreiiioluk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Patricia!
      Acho que esse susto é normal em toda mulher que faz bc, né?!
      Beijinhos!

      Excluir
  3. E eu aqui humildemente sofrendo por ter um tipo 1,5... (Meu cabelo é qualquer coisa entre o 1 e o 2...)

    Já tive o tipo 3 e AMAVA! Sempre quis mais e mais cachos... Mas depois que meu filho nasceu, o cabelo alisou e ficou feio bagarái... O tipo 4 é meu favorito, mas a genética não colabora (minha mãe tem cabelo de índia)...

    Mundo injusto... hahahahahaah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, pois é, o meu agora que tá crescendo e estou vendo que ele é tipo 3 e 4, e estou me acostumando ainda, pois sempre usei super liso, mas até que estou me acostumando bem.
      Acho que todos os cabelos tem sua beleza se souber cuidar!
      Beijinhos!

      Excluir

Eba! Veio deixar um recadinho? Fique a vontade! ♥

Compartilhe!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...